Cuidar da pele sensível

Dica sobre como cuidar da pele sensível

É extremamente difícil sentir-se confortável quando tem pele reativa ou intolerante. Em termos gerais, a pele sensível é uma pele que reage de forma exagerada e desagradável a estímulos que, por si só, não são patogénicos, tais como fatores ambientais, hormonais, psicológicos, fricção causada pela roupa, cosméticos, etc. Os sinais e sintomas variam de pessoa para pessoa, mas entre os mais comuns estão sensação de ardor/picadas, sensação de "repuxamento", desconforto/dor, prurido, secura, descamação, vermelhidão. É mais frequente no rosto e tem um impacto negativo na qualidade de vida.

Por isso, é importante que os produtos para os cuidados diários da pele sejam adequados. Aconselhe-se junto do seu médico ou farmacêutico.

1. Limpar, mas com suavidade

Opte por produtos suaves, que mantenham o pH, a integridade da barreira cutânea e a hidratação da pele e, ao mesmo tempo, removam a sujidade, a maquilhagem e a oleosidade excessiva, sem a secar. Escolha um produto de limpeza para pele sensível, sem perfume/fragrâncias adicionadas e sem sabão, como Cetaphil Loção de Limpeza. Para evitar que a pele fique seca ou irritada, tenha cuidado para não a limpar excessivamente. Basta limpar o rosto uma vez de manhã e uma vez à noite.

2. Hidratar

Além de deixar uma sensação agradável e suave na pele, os hidratantes ajudam a reduzir a suscetibilidade à irritação e proporcionam conforto à pele. Procure um hidratante para peles sensíveis, especificamente formulado para tal, que seja suave e não contenha ingredientes potencialmente irritantes, como fragrâncias.

3. Evitar fatores desencadeantes ou agravantes

Por definição, a pele sensível é a que reage de modo negativo a certos fatores, como sejam fatores ambientais (ex. calor, frio, vento, mudanças de temperatura, humidade, ar condicionado, exposição solar, água), hormonais (ciclo menstrual), psicológicos (stress, carga emocional), à fricção causada pela roupa ou a produtos cosméticos. Esteja atento para saber o que pode estar a causar reação na sua pele sensível. Se tem conhecimento do que está na origem da reação na sua pele sensível, tente evitar o contato com esses fatores.

4. Usar sempre proteção solar

Um dos fatores ambientais desencadeantes ou agravantes da pele sensível é a exposição solar. Aplique um protetor solar diariamente para proteger a pele da exposição aos raios UV. Quando estiver ao ar livre, ao sol, utilize também um protetor solar corporal, sem deixar de lado o chapéu e os óculos escuros.

5. Evitar exfoliação agressiva

A exfoliação periódica limpa profundamente a pele, removendo impurezas, sujidade e células mortas e promove a renovação da pele. Mas os exfoliantes faciais não são todos iguais. E nem todos os tipos de exfoliantes são adequados a todos os tipos de pele. É importante adequar o exfoliante e a frequência da exfoliação ao tipo de pele e ao local (rosto/corpo). Ao escolher um exfoliante, prefira um que seja específico para o seu tipo de pele.

Qualquer que seja o produto, é importante criar uma rotina de cuidados da pele que funcione para si e que se adapte ao seu estilo de vida e à sua pele.

 

1. Escalas-Taberner J. et al. La piel sensible: un síndrome complejo. Actas Sifiliográficas.2011;102(8):563-571

2. Saint-Martory C. et al. Sensitive skin is not limited to the face. Br J Dermatol.2008;158:130-133

3. Misery L. et al. Sensitive skin. J Eur Acad Dermatol Venereol. 2016;30(1):2-8

4. Misery L. et al. Sensitive skin in Europe. J Eur Acad Dermatol Venereol. 2009;23:376-381.

5. Misery L. et al. Sensitive skin in the American population: prevalence, clinical data, and role of the dermatologist. Int J Dermatol. 2011;50:961-967.

6. Duarte I, et al. Sensitive skin: a review of an ascending concept. An Bras Dermatol. 2017;92(4):521-525